natural throne
Alterar a moeda atual (€)
language flag en language flag fr language flag pt language flag es

Astaxantina: Conheça os benefícios do mais poderoso antioxidante

Na última década a astaxantina tem estado no centro de várias pesquisas e estudos por parte da comunidade científica e por consequência é hoje reconhecida como um dos antioxidantes mais poderosos na natureza.

Neste artigo iremos explicar os múltiplos benefícios da Astaxantina, para que serve a astaxantina e onde encontrar astaxantina na alimentação.

O que é a astaxantina?

Antes de mais passamos a explicar o que são carotenoides – eles são pigmentos de plantas, algas e bactérias fotossintéticas. Estes pigmentos produzem as cores amarelas, vermelhas e laranja brilhante em plantas, vegetais e frutas.

Existem mais de 600 tipos diferentes de carotenoides, entre eles a astaxantina que é intitulada como o “rei do carotenoide”. O termo teve origem no livro publicado em 2007 pelo doutor Bob Capelli “astaxantinh, king of carotenoids”.

No caso da astaxantina é um pigmento vermelho responsável pela cor rosada/avermelhada que conhecemos no salmão, na lagosta, no caranguejo, no camarão e noutros animais marinhos semelhantes.

Para os seres humanos, a astaxantina é um poderoso antioxidante lipossolúvel, isto é, deve ser ingerido com uma pequena quantidade de gordura saturada para ser assimilada adequadamente e carregada até ao interior dos tecidos.

Em 1938, Richard Kuhn, um químico Alemão, identificou e isolou a astaxantina na lagosta. Estabeleceu a sua reputação como especialista em química orgânica após observar que a astaxantina melhorava a saúde e a vitalidade animal.

A astaxantina foi um dos primeiros carotenoides a ser examinado e desde então, mais de 1.000 artigos foram publicados onde são evidenciados e comprovados os múltiplos benefícios que a astaxantina tem nos seres humanos.

Este poderoso antioxidante é um importante carotenóide presente em organismos marinhos, sintetizado principalmente por algas (Haematococcus pluvialis) que quando submetidas a uma diminuição de macro e micronutrientes no cultivo e variações de temperatura produzem astaxantina.

Um estudo feito pela Universidade Australiana - School of Human Movement Studies & School of Medicine intitulado “Astaxanthin, oxidative stress, inflammation and cardiovascular disease” conclui que a “Astaxantina protege as células, os órgãos e os tecidos do corpo dos danos oxidativos.

Como tal permite-lhe um melhor desempenho em atividades físicas, um melhoramento do sistema imunitário e funciona como um “exterminador” muito eficaz de células cancerígenas.

No entanto, os benefícios presentes na Astaxantina não ficam por aqui.

Os benefícios da astaxantina 

Saiba então para que serve a astaxantina, e quais os seus benefícios:

Astaxantina – Um antioxidante natural

Ao contrário de muitas outras moléculas antioxidantes, a astaxantina consegue atravessar a barreira sangue-cérebro, protegendo o tecido cerebral. Essa característica fez com que os especialistas rotulassem a astaxantina como ‘alimento natural do cérebro’.

O estudo "Antioxidant activities of astaxanthin and related carotenoids" de comparação de astaxantina e outros carotenóides mostrou que a astaxantina apresentou a maior atividade antioxidante contra os radicais livres.

O que é um radical livre? É um átomo, ou uma molécula (conjunto de átomos), com um ou mais eletrões desemparelhados. Se um destes eletrões, por qualquer motivo, saltar para fora da sua órbita, a molécula torna-se num radical livre, altamente instável e energético. Para atingirem a estabilidade, têm que “roubar” outro eletrão a um outro átomo vizinho (processo designado por oxidação) e assim sucessivamente.

Dá-se então início à chamada reação em cascata. Este evento representa uma séria ameaça para as células vivas e para o organismo. Se esta reação continuar, irá originar um processo inflamatório.

Se no organismo a proporção de radicais livres for alta e a de antioxidantes for baixa, dá-se inicio ao stress oxidativo. Daí a importância da Astaxantina, que segundo Traci Kantowski, diretor de comunicação da Associação de Astaxantina de Algas Naturais (NAXA), é “20-90 vezes mais forte do que todos os outros antioxidantes”.

A astaxantina ajuda a aliviar a dor e a inflamação 

beneficios-da-astaxantina

A astaxantina é um potente anti-inflamatório e analgésico que reduz alguns dos diferentes compostos inflamatórios que potenciam o aparecimento de muitas doenças crônicas. Embora seja 100% natural, a astaxantina funciona como alguns analgésicos prescritos, com a vantagem de não causar dependência, sangramentos gastrointestinais ou azia.

Estudos como "Astaxanthin decreased oxidative stress and inflammation and enhanced immune response in human" descobriram que a astaxantina inibe o crescimento das células cancerígenas, reduz a inflamação gástrica e protege contra o stresse oxidativo”.

Ajuda a recuperar do cansaço 

Os cientistas teorizam que este antioxidante vermelho brilhante é, em parte, responsável pela grande resistência do salmão enquanto percorre o oceano.

As mesmas propriedades que a tornam benéfica para a resistência de um salmão (por exemplo) à deriva, são igualmente benéficas para os seres humanos que procuram mais resistência. Segundo o estudo “Effect of astaxanthin supplementation on muscle damage and oxidative stress markers in elite young soccer players.” a astaxantina pura é indicada para a recuperação dos músculos.

Em suma, é benéfico para os atletas porque:

  • Reduz os radicais livres e por isso acelera o processo de recuperação.
  • Apoia a função das mitocôndrias - quando os músculos são usados para o exercício (especialmente o exercício intenso), as mitocôndrias produzem mais energia. Estas, tem como função produzir a maior parte da energia das células, através do processo chamado de respiração celular.

A astaxantina é boa para a pele

astaxantina anti oxidante

A astaxantina pode também melhorar certas condições da pele e a sua aparência geral. Um estudo de 2009 mostrou que a combinação de suplementação oral e aplicação tópica de astaxantina melhorou as rugas, manchas da idade, textura da pele e teor de humidade da pele.

A astaxantina previne doenças cardiovasculares 

Um estudo de 2006 examinou os efeitos da astaxantina em ratos com hipertensão arterial (pressão alta) e os resultados indicaram que a astaxantina pode ajudar a melhorar os níveis de elastina (uma proteína de função estrutural que forma fibras elásticas bastante abundantes no nosso organismo) e a espessura da parede arterial.

De acordo com Shawn Talbott, PhD, da EQQIL, uma empresa independente de pesquisa e desenvolvimento que conduziu e supervisionou um estudo em nome da AlgaeHealth sobre os benefícios da astaxantina – “o significado desta pesquisa é que encontramos um efeito muito novo da astaxantina natural para melhorar a função cardiovascular global.”


A astaxantina melhora a saúde cerebral 

À medida que envelhece, o risco de desenvolver distúrbios neuro degenerativos como a doença de Alzheimer ou Parkinson aumenta. Essas condições, caracterizadas pela perda progressiva de neurônios no cérebro, podem levar a sintomas como perda de memória, confusão, tremores, agitação e ansiedade.

Num estudo realizado em 2016 em animais - a suplementação com astaxantina aumentou a formação de novas células cerebrais e a memória espacial melhorada em camundongos (um animal roedor).

Alimentos ricos em astaxantina

salmao rico em astaxantina

Para maximizar os benefícios da astaxantina, é melhor obter a dose diária, incorporando fontes alimentares na sua dieta. Principalmente encontrado em frutos do mar, tais como o salmão selvagem, há no entanto outras fontes de astaxantina onde pode encontrar astaxantina.

Alimentos que contêm astaxantina:

  • Salmão
  • Krill
  • Algas
  • Truta Vermelha
  • Lagosta
  • Caranguejo
  • Camarão
  • Lagostins
  • Ovas De Salmão

A astaxantina também está disponível em forma de suplemento natural. Certifique-se de procurar uma marca que use astaxantina natural derivada de microalgas em vez de astaxantina sintética. De acordo com um estudo publicado na Nutrafoods, a astaxantina natural é 20 vezes mais eficaz na eliminação de radicais livres que a astaxantina sintética e, segundo os pesquisadores, a variedade artificial "pode não ser adequada como suplemento nutracêutico humano”.

Por outro lado deverá certificar-se da origem da astaxantina - Grande parte dos esgotos e de outras toxinas são frequentemente despejadas no oceano aumentando consideravelmente os riscos de contaminação dos mares, e consequentemente de peixes, moluscos e crustáceos. Posto isto, é imperativo que os produtores de suplementação de Astaxantina tenham atenção ao local onde as suas capturas são efetuadas.

Quais os efeitos secundários da astaxantina?

Vários estudos realizados demonstram que é seguro consumir astaxantina quando encontrada nos alimentos. É igualmente segura quando tomada via oral como suplemento, não apresentanto quaisquer contra-indicações.

A American Heart Association recomenda que ingira pelo menos duas porções de peixes gordurosos por semana, para uma melhor saúde cardíaca.

Na forma de suplemento, foi estudado e provado que é seguro ingerir cápsulas de astaxantina de até 40 miligramas por dia durante 12 semanas. No entanto, a dosagem recomendada é de quatro a oito miligramas, uma a três vezes ao dia com as suas refeições.

Tendo em conta todas as suas propriedades benéficas para a sua saúde, está na hora de através da alimentação ou suplementos, incorporar a Astaxantina na sua dieta alimentar. O “rei do carotenoide” certamente ajudá-lo-á encarar os seus dias com uma nova disposição e vivacidade. Experimente

Outros Artigos Recomendados

Comentários

Ainda não existem comentários para este artigo. Seja o primeiro!

Comentar o artigo

Comentário será feito em anónimo. Inicie sessão ou registe-se.

A solução natural para a prisão de ventre e hemorróidas

natural thronenatural throne

Recomendado por médicos…
e pela Mãe Natureza

Encomende já

Este site e o seu conteúdo têm um fim exclusivamente informativo. Nem o site nem o seu conteúdo têm como objectivo substituir o aconselhamento médico profissional.
Nenhuma informação deste site deverá ser usada para diagnóstico ou tratamento médico. Aconselhe-se sempre com o seu médico ou outro profissional de saúde qualificado, para diagnóstico ou tratamento de qualquer sintomatologia.
Não ignore nunca os conselhos do seu médico nem demore a consultá-lo.